O Branding antes de mais nada é um conjunto de conceitos envolvendo estratégias e plano de ação, o mesmo tem o objetivo de consolidar uma marca no mercado através de memórias, sentimentos e emoções. Se trata de uma promessa para sua audiência, ou seja, para as pessoas que acompanham e admiram sua marca.

Não é o que você diz e sim o que dizem sobre você, não é só publicidade e sim, reputação. Esse é o papel do Branding; ele não é logotipo, identidade visual nem produto. Está mais voltado a cultura e posicionamento da empresa, por isso ele não se vende!

Alguns dos fatores que compõem um projeto de Branding são: Nome da marca, o design e a gestão em si. O design que representa as características da empresa, então não é tarefa fácil transmitir toda a missão, valores e essência da empresa através de símbolos e formas.

Mais que criar uma marca que seja única no mercado, o Branding nasce a partir de um propósito da empresa. Então através disso eu te pergunto: Se sua marca fosse uma pessoa, qual seria o tom de voz que utilizaria? Como você se comunica com seu público?

Trocando em miúdos, o Branding é um processo que, através de estratégias bem elaboradas,  conduzem a marca a ser o que ela realmente é, ou seja, o real propósito em existir.

Como identificar um bom trabalho de Branding?

Quando você diz que precisa tirar uma xerox e não uma fotocópia, comprar um bombril e não uma esponja de aço, andar de Jet Ski e não uma moto aquática; quando você pensa dessa forma significa que mesmo de maneira inconsciente, a marca está consolidada em sua mente.

Ou através de perguntas…

-Qual é o primeiro sabão em pó que vem em sua mente?

-E refrigerante?

-Talvez uma cerveja?

Provavelmente você deve ter respondido mentalmente OMO, Coca-Cola e Skol ou outra cerveja que esteja em evidência nas redes; a verdade é que as marcas são criadas em nossa mente e ficam armazenadas para quando precisarmos dela, lembrarmos com facilidade e realizar a tomada de decisão em relação a determinado produto ou serviço.

Branding  e Marketing: Entenda a diferença

Branding: Está relacionado ao propósito de vida da empresa, posicionamento e fortalecimento, cultura e planejamento. O branding é a maneira que o consumidor percebe o que sua empresa está desenvolvendo/fazendo.

Marketing: Ao contrário do que a maioria das pessoas pensam, o marketing é basicamente tudo que a empresa faz que de certa forma atinge o consumidor, ele comunica às pessoas o que a empresa está fazendo.

“O Marketing conquista o mercado, o Branding conquista os corações.”

Dicas para construir uma marca referência no mercado

Toda empresa deve possuir embaixadores da marca, eles irão promover a cultura de sua empresa.

– Missão: Descreva o seu negócio com todos os detalhes e o mais claro e específico possível;

– Visão: Descreva seu projeto de expansão para a empresa nos próximos 2 e 5 anos;

– Valores: Chegou a hora de descrever a cultura de sua empresa, como quer ser lembrada, abordagem ao público, qual mensagem/promessa quer mostrar ao público, valores emocionais, dentre outros.

Esteja presente nas redes sociais, pois elas irão te aproximar de seu público. E por fim, viva os valores de sua empresa e motive funcionários, parceiros e seu público a buscarem o mesmo.

Proposta de valor: Define sua proposta de valor para sua audiência, essa será a promessa que a marca (sua empresa) irá carregar em toda a jornada, abaixo estão dois exemplos de proposta de valor:

      1. Proposta de valor Apple: Não vende smartphones, vendem Iphone, vendem status e design;

    1. Proposta de valor Coca-Cola: Não vende o produto, vende as experiências de sentar a mesa e o sabor da felicidade.